WASHINGTON

 

Hoje, mais do que nunca, as imagens fazem parte da rotina de quem viaja, na hora de fazer as malas, câmeras e smartphones são itens tão indispensáveis quanto roupas e calçados.

 

Washington é um destino que celebra a arte. À beira do rio Potomac, é dona do maior complexo de museus do mundo, lar de monumentos icônicos, museus fascinantes e muito mais. Da arquitetura sofisticada dos edifícios à mescla de culturas internacionais, explorar Washington através das lentes é a melhor maneira de guardar lembranças emolduradas por belas paisagens culturais, e se estimular pelo desejo de compartilhar suas descobertas da história americana na casa do poder americano.

 

Enquanto políticos discutem os rumos do país no Capitólio, milhares de turistas circulam despreocupados pelos jardins do National Mall. Alheios ao forte esquema de segurança da Casa Branca, ciclistas pedalam entre as imagens dos presidentes Lincoln, Roosevelt e Thomas Jefferson. Em meio às obras de arte do Sculpture Garden, músicos tocam jazz para os visitantes de pés descalços que se refrescam no chafariz do jardim. Debaixo das cerejeiras floridas, casais se perdem no tempo com cestas de piqueniques e beijos ao ar livre. No mesmo momento, crianças correm entre dinossauros, “monets” e cápsulas espaciais pelos inúmeros museus da cidade. O cenário pouco lembra o mais importante centro político, econômico e militar do mundo. Washington, DC tinha tudo para ser uma capital burocrática. Para quem acha que a cidade oferece apenas o turismo ligado às atribuições de uma capital, prepare-se para belas surpresas, Washington está repleta de charmosos passeios
 


MUSEUS

Difícil encontrar no mundo uma cidade que concentre tantas opções de museus, de tão diferentes estilos, em um só lugar. Em Washington, no National Mall e arredores, é possível percorrer a pé mais de 20 museus. Se contarmos o número de espaços destinados à cultura em toda a cidade, poderemos passar de 200, e com facilidade. Além da enorme variedade que atrai turistas de todo o mundo, a boa notícia é o fato de que grande parte desses espaços tem entrada gratuita. Um alívio para o bolso e um grande incentivo às visitas. Por toda a cidade você encontrará museus sobre os mais diversos temas. Reserve alguns dias da viagem e visite os seus prediletos. Além de ótimos acervos, você pode aproveitar os cafés, restaurantes, lojinhas e até alguns concertos ao vivo, especialmente durante o verão. 

 

Um bom ponto de partida para maratona de museus é o Smithsonian Castle., no centro do National Mall, ele concentra todas as informações sobre o complexo cultural.

 

Para quem busca diversão e conhecimento, o melhor é andar entre os animais gigantes do National Museum of Natural History ou entre os incríveis aviões e módulos espaciais no Air and Space Museum

 

Os que não abrem mão de belas obras de arte e acervos mundialmente conhecidos poderão dar uma longa e deliciosa volta: American Art Museum, Freer Gallery of Art, Hirshhorn Museum, National Portrait Gallery e Museum of African Art somam um incrível acervo Entre todos, no entanto, o que oferece o acervo mais completo é a National Gallery of Art.

Entre as preciosidades dos acervos está a Constituição Americana, exposta no National Archive. Visitar Washington e não ir ao Capitólio é praticamente impossível, o lugar é aberto ao público, não deixe de fazer o tour para conhecer por dentro detalhes do Congresso, outro prédio que merece uma parada é a Congress Library, além da beleza arquitetônica, a biblioteca chama atenção por ser a maior do mundo.

 

Para ir a fundo na história americana, uma visita imperdível é o Mount Vernon. A residência à beira do Potomac River pertenceu a George Washington. O espaço funciona como museu e guarda várias relíquias, entre elas o túmulo do primeiro presidente dos EUA

 

GEORGETOWN

O bairro histórico de Washington DC, com uma perfeita mistura entre o moderno e o histórico, distribui charme em ruas de paralelepípedos, casinhas de tijolos e postes floridos, fundado em 1751, é anterior à cidade de Washington e até hoje guarda sua essência histórica que atrai turistas encantados com as belezas, restaurantes e ótimas oportunidades de compras no bairro. 

 

À beira do Potomac River é possível aproveitar a orla do Waterfront Park, o espaço oferece restaurantes, pontos de descanso, pistas de corrida e até uma marina, a Keybridge Boathouse, onde, especialmente no verão, é irresistível alugar um caiaque para curtir o visual da ponte e do rio.

 

Não deixe de ir até a M Street e a Wisconsin Avenue, as duas ruas principais do bairro repletas de boas lojas, entre marcas famosas, como Apple Store, Anthropologie, Gap, Michael Kors, H&M e tantas outras, além de encontrar lojinhas locais que oferecem produtos exclusivos, é um paraíso para os amantes das compras. Ande pelas ruas adjacentes, nelas você encontrará verdadeiros tesouros que só existem em Georgetown.

 

Como o passeio é para o dia inteiro, nada como bons restaurantes, cafés deliciosos e docinhos para dar energia, e Georgetown é especialista nesse quesito. São tantas opções que você ficará perdido. Para um lanchinho rápido, experimente o mais famoso doce da cidade, na Georgetown Cupcakes, não se assuste com a fila na porta, ela anda rápido e vale a espera! Entre os restaurantes há especialidades diversas. A lista é extensa e conta com sabores do Caribe, Etiópia, Áustria, França, Índia, Japão, Itália, México, Tailândia, Vietnã e, para fechar, a espetacular culinária mediterrânea, prepare-se para uma viagem gastronômica pelo mundo sem nem sair do bairro. 

 

 

 

A cidade oferece excelentes oportunidades para quem busca voltar com a mala um pouco mais recheada. Entre outlets, shoppings centers e lojas de rua cheias de charme, será difícil resistir a encher algumas, ou muitas, sacolas.  Como estamos tratando dos EUA, nada como os outlets para começar a maratona de entra e sai nas lojas. E quando nos referimos a Washington, DC, falamos no plural! A cidade realmente oferece várias opções nos arredores!  As melhores opções para quem procura aliar a boa qualidade das roupas, preços muito baixos e deslocamento fácil são: Tanger Outlets Potomac Mills, para os que querem ampliar a maratona também se aventure pelo Leesburg Corner Premium Outlets e o Arundel Mills Mall.

 

Se você não faz questão das pechinchas em pontas de estoque, não se preocupe. Washington oferece alguns shoppings e regiões de compras bem atraentes. Localizado em Virgínia (um pouco afastado do centro, porém acessível pelo metrô), o Tysons Corner Center oferece mais de 300 lojas e é o maior shopping em Washington DC. O mix vai de marcas populares a grifes de alta costura. Outra boa opção, com mais de 170 marcas, é o Fashion Center at Pentagon City. Localizado em Arlington, pertinho do Pentágono, o shopping é ótimo para comprar produtos da estação. Quem estiver por lá, ainda encontrará nas redondezas o Pentagon Row: um centro comercial a céu aberto, em formato de praça, com restaurantes e cafés separe uma sacola bem grande, ou quem sabe uma mala, e corra para as compras!

 

Washington oferece atividades em todas as estações do ano, e cada uma delas é especial, a maior vantagem da cidade, entretanto, é que as principais atrações podem ser visitadas durante todo o ano, o que torna Washington D.C ainda mais atraente.

 

O ponto de partida para os viajantes que chegam a Washington DC é o National Mall, uma grande esplanada onde se concentra a maioria dos pontos turísticos da cidade, exatamente por isso, quem visita à capital em apenas um dia tem a sensação de conhecê-la intimamente.

 

Talvez uma semana seja pouco para percorrer as principais atrações da cidade. As longas avenidas e ruas bem arborizadas são um convite a longas caminhada, separe um calçado confortável e encare os deliciosos caminhos de WDC. Essa é a melhor maneira de conhecer a capital. A dica é deixar a preguiça de lado e, sempre que possível, andar a pé ou de bike

Nenhum preço cadastrado